Empaths In Love: como cuidar de sua alma altamente sensível nos relacionamentos

Os empatas - pessoas que são sensíveis às energias e emoções dos outros - têm certos requisitos nos relacionamentos românticos?

Definitivamente!

Seu sistema hiperperceptivo significa que você pode sentir as energias e emoções de seu parceiro intimamente - quase como se as emoções dele fossem suas. Portanto, os empatas podem se relacionar profundamente com os amantes. Essa dinâmica pode criar relacionamentos ricos, mas também pode produzir problemas de limites e outros riscos. Se você é um empata, deve manter as seguintes diretrizes em mente ao namorar ou navegar em sua atual parceria romântica:



1Lembre-se de que só porque você pode sentir as emoções de outras pessoas não o torna responsável pelas emoções de outras pessoas.

Este é um grande problema para os empatas, e algo que abordo extensivamente no meu livro Autocuidado para Empatas . É compreensível que um empata confunda sentir as emoções de outra pessoa com a necessidade de controlar, conter ou mudar as emoções de outra pessoa. Seu parceiro tem direito à própria experiência emocional. Se a maneira como eles processam ou expressam suas emoções não é saudável ou tóxica para você, esse é um assunto separado para abordar com eles e possivelmente um conselheiro.

Propaganda

dois.Mantenha seus melhores interesses em mente, reconhecendo seu poder pessoal nos relacionamentos românticos.

Como os empatas podem sentir as perspectivas de todos os outros de forma tão íntima e fácil, é importante que os empatas enfatizem sua própria perspectiva. Só você pode entender, comunicar e defender a si mesmo em seu relacionamento - que pode ser qualquer coisa, desde como vocês criam seus filhos juntos até como lidam com suas finanças conjuntas ou onde moram juntos. Embora os outros genuinamente se preocupem com você e amem você, só você pode ter os melhores interesses no coração. Possua esse poder e não abdique dele para outro.

3Aprenda a testemunhar para que possa escolher conscientemente entre sentir e observar.

Embora sua conexão padrão seja sintonizar-se com os outros e sentir-se com eles, os empatas também podem optar por empregar testemunhar energia para observar os outros de um lugar mais neutro e separado. Não é uma ciência exata, mas você pode mudar para a energia de testemunhar e entrar no modo de observador com seu parceiro - ou qualquer outra pessoa. Isso ajuda o empata a não se sentir à mercê de sua sensibilidade. Alternar entre sentir e observar mantém os empatas mais emocionalmente equilibrados, energeticamente centrados e fisicamente energizados.

Quatro.Permita que seu sistema hiperperceptivo tenha espaço físico em relacionamentos íntimos.

Muitos clientes empáticos me dizem que gostam de ter espaço físico longe de seus parceiros - tempo de qualidade a sós e também um lugar na casa para onde possam se retirar. O medo de não ter espaço físico suficiente pode fazer com que alguns empatas se sintam intimidados em ir morar com um parceiro. Explique ao seu parceiro que ter espaço em um apartamento ou casa onde seu corpo de energia sensível pode se desdobrar é importante. É mais sobre você e seu parceiro estarem cientes dessa necessidade de espaço do que ter uma certa quantidade de metros quadrados em sua casa.

5Ajude seu parceiro a entender que os espaços físicos são importantes para você.

Muitos empatas consideram a desordem ou um ambiente esteticamente desagradável que os distrai e esgota. Se você é um empata que é especialmente sensível aos espaços físicos e seu parceiro não, explique que a manutenção do seu espaço compartilhado - ou o espaço dele quando você começa a travar - realmente afeta você. Faça uma limpeza limpa e energética de seu espaço compartilhado e depois pergunte a seu parceiro se ele notou uma melhora em seu humor ou níveis de energia.

6Respeite suas necessidades evitando agradar às pessoas ou permitindo tendências narcisistas nos cônjuges.

Porque os empatas podem sentir as energias e emoções desafiadoras de outras pessoas tão intimamente, os empatas podem cair agradar as pessoas , que pode permitir tendências de auto-sabotagem em outras pessoas. Enquanto narcisismo clínico é real, qualquer pessoa - incluindo empatas - pode ocasionalmente cair em doenças padrões narcisistas . Parte de sua parceria romântica é tentar trazer à tona o melhor um do outro, o que significa responsabilizar um ao outro e seguir um padrão mais elevado de conduta no relacionamento e no mundo.

7Valorize sua capacidade de sentir com seu parceiro, tanto em seus momentos desafiadores quanto em suas grandes vitórias.

Como empata, você pode comemorar as vitórias de seu parceiro de uma maneira única, sintonizando-se com a sensação de realização ou alegria dele. Você também poderá vivenciar o sofrimento deles de uma maneira única - preparando-se para uma vida de ricas experiências. Sentir-se com as pessoas pode honrar sua experiência, apoiá-las e honrar sua natureza empática.

Coloque limites em torno dessa habilidade também. Quando sentir que está com as pessoas é exaustivo ou opressor, volte a observar.

8Tenha uma vida saudável fora do relacionamento, para não se fundir com seu parceiro.

Faça questão de ter amigos, hobbies e interesses separados daqueles que você compartilha com seu parceiro. Isso irá destacar sua própria identidade única - importante, pois os empatas se unem profundamente. Cuidar conscientemente de sua vida fora do relacionamento manterá o relacionamento mais saudável e tornará mais fácil se o relacionamento romântico terminar por qualquer motivo.

9Priorize o compartilhamento de sua experiência emocional com seu parceiro.

Isso ajudará a lembrá-lo do que é seu e do que as outras pessoas estão no território emocional, já que um empata pode sentir muito. Ficar conectado aos seus sentimentos ajuda a evitar que você se envolva nas emoções dos outros de uma forma prejudicial à saúde.

Se você tem problemas para compartilhar porque teme que suas emoções criem emoções desconfortáveis ​​em seu parceiro que você deve sentir de segunda mão - como dizer a seu parceiro que algo precisa mudar no relacionamento para que você fique e, em seguida, sentir a ansiedade de seu parceiro sobre o que você revelou— fale com um conselheiro ou obtenha o apoio de que precisar para mudar esse padrão para que possa compartilhar mais.

coisas divertidas para fazer na sua menstruação

10Saiba que seu parceiro não precisa ter empatia - ele só precisa respeitar você.

Há muito mais em você do que sua sensibilidade, então não deve ser o fator decisivo nos relacionamentos - apenas precisa ser fortemente considerado. Você pode ter um parceiro muito sensível ou pode haver muitas outras coisas que vocês dois têm em comum. Às vezes, a sensibilidade é uma característica que se revela ou desperta mais tarde na vida; portanto, apenas estar perto de você e aprender sobre a sensibilidade pode tornar seu parceiro mais sensível. Seu parceiro pode precisar entender que algumas de suas peculiaridades - como precisar de mais retiro e tempo de recuperação ou ter um fim de semana 'ligado' com eventos sociais e o próximo 'livre' relaxando em casa - são devidas à sua sensibilidade.

onze.Seja confiante.

Muitos empatas são pessoas incrivelmente atenciosas. Quando você pode sentir tão bem como alguém está se sentindo, é fácil para seu coração ir a essa pessoa com ternura. Ao namorar, lembre-se de que sua sensibilidade não é uma desvantagem - é uma vantagem incrível para você e seus parceiros em potencial. Sua sensibilidade às energias e emoções de outras pessoas o torna um parceiro muito atencioso e compassivo.

Quer que sua paixão pelo bem-estar mude o mundo? Torne-se um treinador de nutrição funcional! Inscreva-se hoje para participar de nosso próximo horário de atendimento ao vivo.