O poder do perdão: 5 maneiras especializadas de ensinar seus filhos

Conexão é semelhante ao amor. É um dos elementos mais vitais e necessários da existência humana. Na verdade, nossa felicidade depende da saúde de nossos relacionamentos e da capacidade de atribuir significado aos nossos desafios. Nosso papel como pais é demonstrar a nossos filhos como navegamos em tempos difíceis, nos adaptamos aos conflitos e, finalmente, saímos do outro lado mais fortes e com uma melhor compreensão de nós mesmos e dos outros.

Os obstáculos inevitáveis ​​que a vida lança em nosso caminho são oportunidades perfeitas para mostrar a nossos filhos como estar presentes, como enfrentar os desafios e como crescer por meio deles. Ao modelar o perdão e a cura, damos a nossos filhos um mapa do caminho para ajudá-los a desenvolver coragem, perseverança e a capacidade de manter a cabeça erguida durante as contendas. As dificuldades são inevitáveis, mas a maneira como lidamos com elas se torna as metas e marcos futuros de nossos filhos.

5 maneiras de demonstrar a arte do perdão.

Fazer esses exercícios na frente de nossos filhos os ajuda a aprender e crescer e também pode dar a você o ímpeto necessário para fazer a coisa certa:



Resultados do desafio de ioga quente de 30 dias
Propaganda

1Escolha perdoar.

O perdão começa com uma escolha. Isso não significa tolerar ou não responsabilizar alguém. A escolha de perdoar significa que você se recusa a permitir que outra pessoa controle seus pensamentos, sentimentos, relacionamentos ou ações. Quando estiver pronto, é sua decisão retomar seu poder pessoal e não permitir que outra pessoa tenha poder sobre você.

Fale sobre perdão com seus filhos. Compartilhe com eles sua jornada. Ao abandonar a bagagem emocional que as queixas e mágoas podem criar, você ilustra o dom da cura e do perdão.

dois.Estar presente.

Nossos pensamentos afetam como nos sentimos e, em última análise, nos comportamos. Passamos a maior parte do tempo ruminando sobre o passado ou planejando o futuro. Quando estamos no momento - onde a vida está acontecendo agora - entramos em sintonia com nossos pensamentos e verificamos a nós mesmos. Compreender onde estamos nos permite responder e nos adaptar de maneira pensativa. Além disso, estar presente com quem amamos também é a melhor maneira de viver a vida com o mínimo de arrependimentos. Inclua um tempo na programação da família para estar presente, conectar-se e compartilhar, sem dispositivos e distrações.

3Pratique o perdão todos os dias.

A maioria de nós pensa no perdão como uma tarefa monumental que se relaciona com grandes transtornos. Na realidade, o perdão é uma necessidade diária crucial para cultivar conexões saudáveis ​​e significativas. Quer você sinta uma pontada de desconforto por causa de uma pequena dor diária ou tenha sofrido uma grande traição, diga o que é, depois fale consigo mesmo sobre perdoar e deixar passar. Demonstre como o ato de perdoar pode ajudá-lo a superar a dor, encontrar a cura e terminar fortalecido física, mental e emocionalmente.

Quatro.Chame coragem.

Não é fácil abandonar uma ofensa, especialmente quando a pessoa que o machucou não está arrependida, ou pior, não se importa. Coragem é a disposição e capacidade de enfrentar nosso medo e desconforto, em vez de resistir ou evitá-los.

como construir músculos longos e magros

Especialistas nos dizem que coragem é como um músculo e podemos praticá-lo para torná-lo mais forte. Como? Podemos usar afirmações positivas para nos ajudar a reformular o pensamento negativo e nos colocar de volta no caminho certo: Eu sou capaz. Eu sou digno. Sou suficiente. Eu escolho o amor .

5Modele e aprenda a lidar com as emoções.

Macaco vê macaco faz. Nossos filhos nos vêem como modelos. Como lidamos com a raiva, falamos sobre mágoas, optamos por perdoar e como lidamos com as decepções diárias, é provável que nossos filhos lidem com elas. Construir nossa própria inteligência social e emocional - a capacidade de identificar, gerenciar e expressar nossas emoções de maneiras produtivas e saudáveis ​​- fornece a nossos filhos um caminho a seguir. É importante que estejamos cientes de que nossos filhos estão aprendendo conosco em todas as situações, para que continuemos à altura de cada ocasião e oferecendo a melhor versão de nós mesmos.

Nem sempre podemos escolher o que acontece conosco, mas podemos escolher como responder.

Em última análise, queremos criar filhos com poder que são capazes de responder pensativamente às situações. Depende de nós decidir quando ou se devemos deixar de lado as queixas enquanto permanecemos fiéis a quem somos. Quando entendemos que somos fortalecidos por cada desafio, cultivamos a coragem de viver a vida com todo o coração e escolher o amor ao invés do medo.

É preciso coragem quando começamos a compreender o poder do perdão. O medo é que estejamos oferecendo um presente a alguém que não merece, que estejamos tolerando o mau comportamento ou desistindo de nossa posição justa. Na realidade, o perdão é simplesmente retomar nosso poder pessoal.

Embora o perdão seja a maneira mais eficaz de reduzir e superar a dor, é preciso coragem para perdoar quando estamos sofrendo. Reconhecer o desconforto e escolher de forma deliberada e cuidadosa ver através da grandeza um do outro será um exemplo de coragem e perdão para os relacionamentos de nossos filhos.

Este artigo foi escrito com Scarlett Lewis, fundadora da organização sem fins lucrativos Jesse Lewis escolhe o movimento do amor , que ela criou após o assassinato de seu filho na tragédia de Sandy Hook em 2012. Por meio dele, ela defende o aprendizado socioemocional e a educação do caráter. Ela é a autora de Nutrindo o amor que cura: a jornada de esperança e perdão de uma mãe , um livro de memórias de sua jornada para escolher o amor e o perdão. O programa Choose Love for Schools do Movimento é um programa de desenvolvimento de caráter e SEL abrangente e sem custos, capacitando educadores e alunos a escolher o amor, lidar com adversidades e administrar suas emoções. A programação Choose Love se estende a residências, comunidades, atividades esportivas e locais de trabalho e já foi acessada em todos os 50 estados e 110 países.

a dúzia suja e a limpa 15

E você quer que sua paixão pelo bem-estar mude o mundo? Torne-se um treinador de nutrição funcional! Inscreva-se hoje para participar de nosso próximo horário de atendimento ao vivo.